Espiritualidade

Viver como os apôstolos, uma vida fraterna, na simplicidade : Da Igreja dos primeiros séculos, temos a nossa forma de vida em comunidade fraternal, que extrai a sua seiva no Evangelho e a tradição da Igreja

Continue Lendo

ImprimirE-mail

Religiosos, Religiosas...

Venham e vocês verão. Então eles foram e viram onde Jesus morava...” (Jo 1,39)

A nossa vida religiosa é primeiro marcada pelo sentido de Deus. Encontramos a nossa existência sobre Deus, consagrando-lhe as nossas forças de vida, de afeto, de liberdade. Que tudo o que somos, todo o que fazemos, seja na dependência DELE, uma dependência de amor “para sua glória”. É um amor que responde ao amor. Religiosos, religiosas, comprometemo-nos a viver o Evangelho, em comunidades fraternas apostólicas no mundo rural, em Igreja. O Evangelho é nossa linha de vida precisada nas nossas Constituições.

ImprimirE-mail

Missionários...

Se vocês têm amor uns para com outros, todos reconhecerão que vocês são os meus discípulos” (Jo 13,35)

Como por todos os Cristãos, ser missionário é uma exigência do nosso batismo. Anunciar o Evangelho, é em primeiro viver dele entre nós, e em comunidade de vida com as pessoas do campo, numa atitude de escuta respeitosa, de simplicidade, à maneira de Jesus. A nossa vida religiosa simplesmente evangélica, vivida em comunidade fraterna, é de si - mesma , já proclamação que Deus existe. Ele é um Pai que nos ama. Ele chama todos os homens a caminhar para Ele e a viver unidos na Paz.

ImprimirE-mail

Comunitário

A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma” (At 4,32)

Fomos chamados a viver o nosso batismo neste estado de vida particular que é a vida religiosa: morar sob um mesmo teto, partilhar a mesma mesa, ter uma bolsa comum, viver o celibato consagrado, escolher de estar em referência aos responsáveis e aos outros membros da comunidade, segundo a nossa Regra de vida. . A fraternidade vai até aí (Testemunho de Irmã Marie José) . Fraternidade universal ( Irmão Thomas)

ImprimirE-mail

Rural

Não foram vocês que me escolheram, mas fui eu que escolhi vocês. Eu os destinei para ir e dar fruto, e para que o fruto de vocês permaneça.” (Jo 15,16)

Deus fez-nos compreender o amor que tem para nós e queremos partilhar esta Feliz Notícia aos nossos irmãos rurais da França, do Togo, do Burkina Faso, , do Benim, do Brasil e de outros lugares se o Senhor aí nos enviar. Testemunhas de Deus entre as pessoas do campo, é para nós uma convicção profunda que as nossas relações, os nossos engajamentos: no trabalho assalariado, a animação de comunidades cristãs, a vida associativa, podem ser lugares de experiência de Deus, contribuindo em alimentar a nossa vida espiritual. Atentos à obra do Espírito no coração dos homens, maravilhados das riquezas que levam neles, queremos contribuir a revelá-los que “todo homem é amado de Deus.”

ImprimirE-mail